Swift #01 - Seja um iOS Developer

Seja um iOs Developer

A paixão pela tecnologia me move, confesso que amo ver a evolução do Android e me fascina os caminhos que o esperam nessa trilha, popular como ele só, mas em contrapartida temos a nossa disposição uma empresa que está disposta a fazer de você um excelente profissional! Ela te incentiva a aprender novas tecnologias, seguir um desafio e mais que isso, não impõe façanhas mirabolantes, é tudo incrivelmente viável de fazer e construir.

Por isso, eu resolvi iniciar meus estudos com iOs e de novo, fiquei fascinada, por isso compartilho com vocês o resultado dessa saga e aonde iremos chegar, um app? Uma revolução mobile? Não sei! Mas te convido a vir comigo ver no que iremos escrever juntos, não descarto a possibilidade também de escrever um livro voltado ao Swift e tudo de bom que ele fornece, mas estarei focada no Android nos próximos meses :) 


Um pouco da história;

Apresentada na WWDC de 2014, Swift veio para se tornar a alternativa padrão de programação de apps Apple, antes era a Objective-C.
É uma linguagem de propósito geral, e para o meu espanto ela é destinada a QUALQUER tipo de desenvolvimento! Sim, não só desenvolvimento Apple minha gente! Mas para qualquer coisa, claro! Tem um custo, uma curva de aprendizado, mas ela nasceu com o intuito de estar presente em qualquer ambiente, seja web, desktop e por aí vai...
É uma linguagem "nova" de 2014 para cá muita evolução tem sido feita com ela. A IBM mesmo tem investido e mostrado seu projeto para desenvolvimento web com a linguagem. Eu acredito que é uma tendência forte o seu crescimento, mas também sinto que ela é muito associada com o desenvolvimento Apple e talvez iniba muito os desenvolvedores de aprender mais sobre ela.

  • Linguagem moderna;
    • O objetivo da linguagem é ser simples: para escrever, para entender, para dar manutenção!
  • Linguagem segura;
    • Para atingir o objetivo de ser uma linguagem boa para os desenvolvedores, ser direta, simples e objetiva, os criadores contam que ela siga com os seguintes ideais:
  • Segura;
    • Acredita-se que comportamentos desconhecidos geram uma brecha na segurança. Dessa maneira, todo o comportamento do uso das variáveis, constantes são bem definidos e sabe-se ao certo como usá-los. No começo pode ser chato seguir esse pensamento mas se tem um ganho em tempo de runtime da aplicação;
  • Rápida;
    • Swift veio para substituir o objective-c 
  • Expressiva;
  • Open Source;

Como usar?

A linguagem pode ser facilmente usada nos computadores da Apple e fora deles também;
Há tutorial de instalação para Linux [ubuntu];

  • iPad possui o app de playground para vc aprender a sintaxe, programar coisas simples e ver de perto como a linguagem realmente se comporta ao seu conjunto de instruções;
  • Para windows precisa utilizar de alguns recursos não oficiais, ainda estou em testes de algum que seja tranquilo de utilizar, se você conhece e tem gostado de usar algum, por favor deixe nos comentários 🙂 
  • Se tudo tiver difícil para vc se envolver com a linguagem, não fica chateado: tem sites com emulação on line, ou seja: zero instalação!
    • https://iswift.org/playground 
  • https://swift.sandbox.bluemix.net/#/repl

  • Mas estejam cientes de uma coisa: quando chegar na parte mais complexa, ou precisar compilar algum app para publicar na appstore vai ser necessário sim o uso do Xcode, vai ser preciso sim uma máquina Apple!
    • Máquina virtual
    • Hackintosh;
    • Isso por quê usar qualquer hardware diferente de uma máquina Apple vai fazer com que vc gaste muito tempo configurando ou usando. Se alguém tiver conseguido fazer isso acontecer sem muitas configurações ou mesmo tenha tido um retorno "liso" do desenvolvimento rodando, deixa nos comentários que eu vou analisar todos eles 🙂 
    • Deixo link para analisarem esse tutorial de como fazer, parecei antigo, mas pode ser útil: http://iphonesdkdev.blogspot.com.br/2008/11/upgrade-vmware-image-to-ubuntu-810-for.html


    • Hello World - web;

    Bom, então eu, vou escolher uma das opções anteriores para "brincar" de hello world e ir testando a sintaxe da linguagem swift.

    • Eu curti o IBM Swift Sandbox e na maioria das vezes eu vou usar ele, até quando der!! Assim que eu perceber que realmente preciso de um Xcode para continuar essa sequência de vídeos eu aviso para vcs 🙂 

    Hello world – terminal

    Hello world no ipad








    E aí curioso ou curiosa para as próximas aventuras? Estaremos juntos!

    Até a próxima!
    Lisa Byte

    Comentários

    Postagens mais visitadas deste blog

    Banco Inter, como funciona, vale a pena? Eu te conto ;)

    Como publicar seu App na PlayStore #02 - Políticas de Privacidade

    Como assinar um Aplicativo Android